Banner Tropical
Banner Record
PANDEMIA DIMINUE

Com avanço da vacinação: Número de óbitos também cai

Nos primeiros 15 dias deste mês, Rondonópolis registrou a menor média diária de óbitos desde o início da pandemia

Raul Felix

Raul FelixSite de notícias de Rondonópolis e Mato Grosso - Jornalismo Online | Diretor Raul Félix Site.

19/09/2021 18h17
Por: Raul Site Félix
Fonte: Atribuna
Os dados sobre as mortes em decorrência da doença apontam na mesma direção da queda nas hospitalizações (Foto – Roberto Barcelos/Arquivo)
Os dados sobre as mortes em decorrência da doença apontam na mesma direção da queda nas hospitalizações (Foto – Roberto Barcelos/Arquivo)

Na edição do A TRIBUNA do último fim de semana, levantamento junto às taxas de internações em decorrência da Covid-19, em Rondonópolis, apontou que agosto deste ano foi o mês com a menor taxa de hospitalização desde o início da pandemia em 2020.

A queda nas internações vem se acentuando à medida em que avança a vacinação na cidade. Do mesmo modo, levantamento nos dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES) com relação aos óbitos, mostra que a média diária vem caindo com o aumento no número de pessoas imunizadas. 

De acordo com o médico Hélio Garcia Neto, que atualmente ocupa o cargo de secretário adjunto Municipal de Saúde de Rondonópolis e acompanha a pandemia na cidade desde o início no ano passado, em Rondonópolis, assim como em demais cidades do Brasil, os registros de internações e óbitos em decorrência da Covid-19 apresentaram redução justamente em função do avanço da vacinação, principalmente, após um número maior de pessoas já ter recebido a segunda dose.

“As vacinas induzem uma resposta imune que se inicia no organismo após a primeira dose, contudo, estudos demonstram que a resposta imune somente é mais forte após 15 dias da segunda dose e, com isso, a vacina pode proporcionar a diminuição das mortes, das internações e dos sintomas. A vacina reduz a infecção pulmonar e faz com que o paciente não precise ser intubado”, explicou Hélio Garcia Neto.

Os dados sobre as mortes em decorrência da doença apontam na mesma direção da queda nas hospitalizações. Nos primeiros 15 dias deste mês, Rondonópolis registrou a menor média diária de óbitos desde o início da pandemia, com a primeira onda da doença ocorrida entre os meses de junho, julho e agosto de 2020. A média diária de óbitos na primeira quinzena de setembro é de 0,5.

Contudo, a queda no número de óbitos em função da Covid-19 já vinha ocorrendo desde maio deste ano, após a segunda onda de casos registrada nos meses de março e abril. Maio teve média diária de 2,4 mortes pela doença. Em março a média ficou em 2,9 mortes por dia e em abril em 3,3. Esses foram os meses com maior quantidade de óbitos em 2021. Em 2020, julho teve média diária de 3,7 mortes e agosto de 2,8.

Com a vacinação mais avançada em junho, a média diária de mortes na cidade caiu para 2,2 óbitos por dia. Em julho, a redução foi ainda maior, com média de 1,09 óbito por dia. No mês de agosto, a redução continuou e foi registrado em Rondonópolis um índice de 0,9 por dia em média.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Rondonópolis - MT
Atualizado às 12h03
27°
Pancada de chuva Máxima: 31° - Mínima: 22°
27°

Sensação

3.6 km/h

Vento

43.3%

Umidade

Fonte: Climatempo
Faculdade Fasip
Malay Hotel
Defesa da mulher
Municípios
Banner Sessão Esportes
Últimas notícias
Banner Sessão Entretenimento
Mais lidas
Banner lateral interna posição 4
Ine3xa posição 5