Banner Record
Banner Tropical
FERROVIAS EM MT

“Vamos lutar pela Ferrogão e pela Fico; o Governo tem pressa”

Governador alfinetou ambientalistas e cobrou mais agilidade da União para projetos saírem do papel

Raul Felix

Raul FelixSite de notícias de Rondonópolis e Mato Grosso - Jornalismo Online | Diretor Raul Félix Site.

24/07/2021 11h56
Por: Raul Site Félix
Fonte: Raul Felix - www.jornalmt.com.br
LISLAINE DOS ANJOS E CÍNTIA BORGES
DA REDAÇÃO

O governador Mauro Mendes (DEM) reiterou que a sua gestão irá “lutar” para que o Governo Federal execute os projetos da Ferrogrão e da Ferrovia de Integração do Centro-Oeste (Fico).

 

“Nós vamos lutar sim pela Ferrogrão, vamos lutar pela Fico e tenho certeza que o Governo Federal vai colocar essas duas ferrovias naquilo que lhe compete de ações e providências pra que elas realmente aconteçam”, disse.

 

Nesta semana o Governo lançou o edital de chamamento público para a construção da ferrovia estadual que vai ligar os municípios de Rondonópolis e Lucas do Rio Verde, passando por Cuiabá, em um investimento total de R$ 12 bilhões.

Nós temos pressa e o que nós estamos fazendo aqui é demonstrando que quando a gente tem pressa, a gente faz

Na ocasião, Mendes disse ter confiança no presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e no ministro da Insfraestrutura Tarcísio de Freitas, que inclusive esteve em Cuiabá na última semana, mas cobrou mais agilidade da gestão federal.

“Nós temos pressa e o que nós estamos fazendo é demonstrando que quando a gente tem pressa, a gente faz. E nós estamos muito conscientes de que isso é importante pra Mato Grosso”, defendeu.

 

Mendes ainda criticou a mobilização de ativistas e políticos de esquerda internacionais para pressionar o Governo Federal contra a construção do Ferrogrão. Em agosto, uma delegação deve vir ao país para pressionar a União contra o projeto.

 

“Que eles vão lutar lá no país deles, para que lá tenha 80% de floresta. No dia que eles tiverem isso lá, eles venham aqui dizer o que devemos fazer no nosso Estado. Nós sabemos e nós preservamos”, criticou.

 

“Nem americano, nem europeu tem o ativo ambiental que nós termos nesse Estado”, completou.

 

Ferrovias

 

Com cerca de 1.000 km de extensão, a obra da Ferrogrão é considerada estratégica pelo setor do agronegócio, uma vez que ligaria Sinop (MT), um dos pólos produtores de soja no Brasil, ao porto de Miritituba (PA), ajudando no escoamento da produção, principalmente soja e milho.

 

O projeto, porém, tem sido alvo de ambientalistas e ativistas internacionais que acusam dano à Amazônia, é objeto de uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) e enfrenta questionamentos de órgão de controle, como o Tribunal de Contas da União (TCU).

 

Já a obra da Fico recebeu licença ambiental para dar início à construção de 383 km de trilhos entre Mara Rosa (GO) e Água Boa (MT).

 

A construção da Fico será realizada pela Vale, fruto da prorrogação antecipada do contrato da Estrada de Ferro Vitória-Minas (EFVM), em parceria com a Valec.

 

Conforme o Governo Federal, cerca de R$ 2,7 bilhões, que seriam pagos em outorga à União, serão investidos pela Vale na construção da ferrovia.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Rondonópolis - MT
Atualizado às 07h58
23°
Poucas nuvens Máxima: 42° - Mínima: 22°
23°

Sensação

13.4 km/h

Vento

12.4%

Umidade

Fonte: Climatempo
Faculdade Fasip
Malay Hotel
Defesa da mulher
Municípios
Banner Sessão Esportes
Últimas notícias
Banner Sessão Entretenimento
Mais lidas
Banner lateral interna posição 4
Ine3xa posição 5