Banner Record
Banner Tropical
LENTIDÃO VACINAÇÃO

Dados apontam que VG não aplicou 60,3% das doses recebidas

Secretário de Saúde Gonçalo Barros diz que há erro nas informações do Ministério da Saúde

Raul Felix

Raul FelixSite de notícias de Rondonópolis e Mato Grosso - Jornalismo Online | Diretor Raul Félix Site.

02/04/2021 20h48Atualizado há 2 semanas
Por: Raul Site Félix
Fonte: https://www.midianews.com.br
THAIZA ASSUNÇÃO
DA REDAÇÃO

De acordo com dados do Ministério da Saúde, Várzea Grande ainda não aplicou 17.545 mil (60,3%) das doses que recebeu da vacina contra a Covid-19.

 

Conforme os dados, já foram repassados para a cidade 29.096 doses. Desse total, apenas 11.551 (39,7%) foram aplicadas seja de primeira ou segunda dose. Veja AQUI.

 

Ao MidiaNews, o secretário de Saúde de Várzea Grande, Gonçalo Barros negou ter aplicado apenas 39,7% das doses e culpou o sistema do Ministério da Saúde pelo erro da informação.

 

Segundo o secretário, já foram aplicados mais de 21 mil doses da vacina, sendo 16 mil referente a primeira dose e 5 mil de segunda.

Nós já aplicamos, na verdade, mais 21 mil doses, o que representa 70% das vacinas que recebemos

“O site do SUS está com um delay para atualizar as informações. Nós já aplicamos, na verdade, mais 21 mil doses, o que representa 70% das vacinas que recebemos. Já o alertamos sobre isso e na segunda-feira creio que estará corregido”, afirmou.

 

Barros disse que o restante das vacinas, cerca de 8 mil, são de pessoas com mais de 70 anos que não conseguiram realizar o cadastro necessário para a vacinação e que também ainda não foram encontrados pela Pasta.

 

“A faixa etária acima de 70 anos tem uma dificuldade para fazer o cadastro e depende de outra pessoa para isso. Por isso, o que temos guardado não é sobra não. Estão reservados para esses idosos que não fizeram cadastro e a prefeitura não localizou”, disse.

 

“Vamos usar as estruturas das unidades de saúde dos bairros para localizar esses idosos porque é obrigação nossa garantir o direito de cada um desse cidadão que não consegue lidar com o mundo digital”, afirmou.

 

“Não podemos pegar as vacinas desses cidadãos para vacinar outras pessoas. Vamos ir às casas dessas pessoas”, acrescentou.

 

65 a 69 anos

 

Nesta semana, de acordo com o secretário, Várzea Grande abriu o cadastro para vacinar as pessoas com 65 a 69 anos.

 

Conforme Barros, a estratégia é iniciar a vacinação dessa faixa etária na próxima terça-feira (6) e encerrar na segunda-feira (12).

 

“O objetivo é vacinarmos mil pessoas por dia dessa faixa etária nos dois pontos de vacinação da cidade: na Univag e Ginásio Fiotão”, disse.

 

“Depois quando abrirmos para 60 a 64 anos abriremos mais um posto de vacinação na região do Grande Glória”, pontuou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.