Banner Record
Banner Tropical
TRIANGULO AMOROSO

Homem matou “ficante” para roubar caminhonete e presentear ex

Crime aconteceu no dia 23 de janeiro em Sorriso; o suspeito tentou enganar a Polícia Civil

Raul Felix

Raul FelixSite de notícias de Rondonópolis e Mato Grosso - Jornalismo Online | Diretor Raul Félix Site.

24/02/2021 11h00
Por: Raul Site Félix
Fonte: https://www.midianews.com.br/
LIZ BRUNETTO
DA REDAÇÃO

A Polícia Civil elucidou o latrocínio que vitimou Vanderlei Mazutti, de 36 anos, no dia 23 de janeiro em Sorriso (a 396 quilômetros de Cuiabá). Segundo a Polícia, o homem preso no dia 28 daquele mês premeditou o crime para roubar a caminhonete S10 da vítima, na tentativa de reconquistar sua ex-companheira. 

 

De acordo com o delegado José Getúlio Daniel, o suspeito compareceu na delegacia no mesmo dia em que a vítima foi morta para denunciar o seu desaparecimento. 

 

O corpo da vítima foi encontrado nas imediações da estrada Pontal do Verde, na zona rural de Sorriso.

 

Ao denunciar o desaparecimento de Vanderlei, a intenção do acusado, conforme as investigações, foi evitar suspeitas sobre a autoria do crime. Mesmo depois de preso, ele continuou dando versões diferentes para atrapalhar a investigação. 

 

“Ele, de forma extremamente dissimulada, apresentava um comportamento psicopático, tentava ludibriar os investigadores”, disse o delegado. 

 

Na fase final das investigações, já com as provas desmentindo as demais versões, o suspeito confessou que cometeu o crime para roubar a caminhonete da vítima. 

 

Ele disse presentearia a sua ex com o veículo, após ter lhe prometido o item. O suspeito estava tentando reatar o relacionamento com ela. 

 

Ainda segundo o apurado pelos policiais, antes do crime houve uma discussão entre os dois. 

 

A vítima tinha um relacionamento com o suspeito, que não gostou que a informação sobre sua bissexualidade tenha sido espalhada pela cidade. Ele temia que isso o atrapalhasse nas tentativas de reatar o antigo namoro. 

 

Segundo testemunhas, os dois homens foram vistos saindo juntos momentos antes do crime. Além de, depois da ação, ter procurado lojas na cidade para consertar o veículo, entre outras provas que o apontam como autor do crime. 

 

O suspeito foi indiciado por latrocínio  - roubo seguido de morte.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.