Liga Gás topo
Prefeitura Rondonópolis
Heitor Maciel

Bombeiros encontram menino de 2 anos que ficou desaparecido em chácara por 3 dias em Mato Grosso

Heitor Maciel, de 2 anos, passava o Natal com a família na propriedade e dormia com a mãe em um quarto. A mãe o deixou por alguns minutos e, quando voltou, não o encontrou mais.

Raul Site Félix

Raul Site Félixwww.jornalmt.com.br | www.anoiteafora.com.br é um portal sobre notícias e entretenimentos. O empreendimento surgiu de uma ideia do diretor (Raul Félix) no ano de 2010, de se fazer um portal sobre notícias, entretenimento, cultura, Enquetes, Política, Educação, Esportes, Polícia, festas, shows e eventos.

28/12/2020 10h13Atualizado há 3 semanas
Por: Raul Site Félix
Fonte: https://g1.globo.com/mt/mato-grosso/noticia/2020/12/27/bombeiros-encontram-menino-de-2-anos-que-estava-desaparecido-em-chacara-ha-3-dias-em-mt.ghtml
Heitor Maciel dos Santos, de 2 anos, desapareceu em Lucas do Rio Verde — Foto: Arquivo pessoal
Heitor Maciel dos Santos, de 2 anos, desapareceu em Lucas do Rio Verde — Foto: Arquivo pessoal

O menino Heitor Maciel dos Santos, de 2 anos, que estava desaparecido desde quinta-feira (24) em uma chácara de Lucas do Rio Verde, a 360 km de Cuiabá, foi encontrado vivo neste domingo (27) pelo Corpo de Bombeiros. A criança desapareceu enquanto dormia em um quarto.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o garoto estava sozinho na região onde as buscas eram feitas, especificamente em um aterro sanitário. Cães farejadores foram usados nas buscas. Uma pessoa ligou para o quartel dos bombeiros e disse que o garoto estava no antigo lixão da cidade.

Heitor Maciel dos Santos, de 2 anos, desapareceu em Lucas do Rio Verde e foi encontrado três dias depois; foto mostra garoto passando por exames em hospital — Foto: Polícia Civil de Mato Grosso

O local já havia sido vasculhado pelas equipes e nada tinha sido encontrado.

Um dos bombeiros que participava da operação, sargento Domingos, informou, na porta do hospital onde ele foi levado, que o garoto está bem e com apenas alguns ferimentos leves.

 

"Ele tem escoriações de quem andou na mata, mas sem ferimentos graves. Ele tem assaduras entre as pernas, como se tivesse andado. Não dá para descartar a possibilidade dele estar perdido ou de ser levado de forma intencional", disse o sargento.

 

Local onde o menino Heitor foi encontrado em Lucas do Rio Verde — Foto: Antônio Carlos da Silva/Arquivo pessoal

Heitor foi levado até um hospital, onde a família o reencontrou, e passará por avaliação médica.

Imagens das câmeras da rodoviária da cidade foram analisadas. O caso é investigado pela Polícia Civil, que tenta descobrir se o menino saiu andando sozinho e se perdeu, ou se foi levado por alguém e abandonado posteriormente.

Bombeiros e cão farejador fazem buscas por Heitor Maciel dos Santos na região da chácara — Foto: Corpo de Bombeiros

O desaparecimento

 

Heitor passava o Natal com a família na propriedade de familiares e dormia com a mãe em um quarto. A mãe o deixou por alguns minutos e, quando voltou, não o encontrou mais.

Segundo os bombeiros, uma testemunha disse que viu uma criança parecida com Heitor às margens da MT-449, estrada próxima a propriedade da família.

Heitor Maciel dos Santos passava o Natal com a família em Lucas do Rio Verde — Foto: Arquivo pessoal

Desde o desaparecimento, equipes do Corpo de Bombeiros e um helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) fizeram buscas pelo garoto.

A mãe disse aos policiais que dormia com a criança em uma cama e se levantou para ajudar o marido a trocar um disjuntor na residência. O casal guardou algumas ferramentas e, quando foram até o quarto, não encontraram a criança dormindo.

Eles procuraram pelo menino e o chamaram, mas ele não estava na casa e nem perto da chácara.

Equipes do Corpo de Bombeiros e um helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) fazem buscas pelo garoto nesta sexta-feira (25) em Lucas do Rio Verde — Foto: Ciopaer/MT

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.