Comapa03
Liga Gás topo
Cacal Show
PROCESSO DE ABÍLIO

“Voto será momentâneo, mas depoimento de servidora tem peso”

Relator do caso, o vereador Ricardo Saad deve apresentar conclusão nos primeiros dias de fevereiro

29/01/2020 01h19
Por: Raul Site Félix

Arquivo/MidiaNews

O vereador Ricardo Saad, que é relator de processo contra Abílio

CAMILA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

Relator do processo disciplinar contra o colega Abílio Junior (PSC) na Comissão de Ética da Câmara de Cuiabá, o vereador Ricardo Saad (PSDB) acredita que, já no início do próximo mês, deve apresentar seu voto no procedimento que pode resultar na cassação do mandato de Abílio.

 

E, para o tucano, o resultado da votação em plenário dependerá do “clima” no dia da sessão. Isto porque, segundo Saad, até lá podem surgir novas denúncias envolvendo o nome do vereador e que poderão mudar os rumos da votação, em que pese não serem fatos analisados pela comissão.  

 

“Acho que não tem voto formado. Tem que pegar o processo e ler. A comissão vai apresentar seu voto para todo mundo. Não sei se vai sair mais alguma coisa ainda na Justiça. Porque cada coisa que está saindo aí pesa contra a servidora e vai pesar na hora do voto. Porque o voto vai ser momentâneo. O clima que tiver dentro da Casa é que vai decidir”, disse o relator.

 

Porque cada coisa que está saindo aí pesa contra a servidora e vai pesar na hora do voto. Porque o voto vai ser momentâneo. O clima que tiver dentro da Casa é que vai decidir

A declaração de Saad faz alusão ao depoimento da servidora da Saúde Elizabete Maria de Almeida que no último mês revelou à Polícia Civil ter mentido quando acusou o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MBD), de subornar vereadores para que agilizassem a cassação de Abílio na comissão.

 

Elizabeth ainda afirmou que, mesmo sabendo que a história era falsa, Abílio a teria orientado a manter a versão no depoimento que deu na Delegacia Fazendária, em novembro do ano passado.

 

“Em meio aos trabalhos da comissão apareceu uma coisa que ninguém estava esperando [denúncia da Elizabeth], tanto que quando teve a denúncia, nós encaminhamos ao Ministério Público, porque achamos gravíssimo. Mas não faz parte do que estamos procurando”, afirmou o vereador.

 

Na Comissão de Ética, Abílio é investigado por supostos excessos cometidos enquanto parlamentar.

 

Dentre os fatos apurados no processo disciplinar, está uma suposta invasão de Abílio ao Hospital São Benedito, em setembro de 2017. Segundo consta no processo, na ocasião, o vereador teria desacatado e constrangido servidores da unidade.

 

Processo

 

O relatório do processo está em fase de finalização, segundo o Saad.  

 

Com o relatório da Comissão em mãos, o presidente da Câmara Misael Galvão (PSB) irá encaminhar o documento para a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) para análise e, posteriormente, volta ao plenário para votação dos parlamentares.

 

A Comissão de Ética é formada pelos vereadores Toninho de Souza (PSD) e Vinícius Hugueney (PP), que são presidente e vice-presidente respectivamente, além de Marcrean Santos (PRTB), como membro titular.

 

Além de Ricardo Saad, são membros-suplentes Juca do Guaraná (Avante) e Marcelo Bussiki (PSB).

 

No início do processo, Marcrean era o relator do caso, mas pediu para deixar a relatoria, dando lugar a Saad.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Rondonópolis - MT
Atualizado às 05h02
21°
Poucas nuvens Máxima: 35° - Mínima: 20°
21°

Sensação

11.7 km/h

Vento

54.3%

Umidade

Fonte: Climatempo
Achocolatado
Vieira
Liga gas roo 01
Adsense Sessão Política
inexa 2
Municípios
Banner Sessão Esportes
Últimas notícias
Banner Sessão Entretenimento
Mais lidas
Banner lateral interna posição 4
Liga Gas Roo
Adsense lateral interna posição 5